You are currently viewing São Bernardo do Campo, na Grande SP, prorroga até 7 de outubro restrições de horário devido à pandemia de Covid-19

São Bernardo do Campo, na Grande SP, prorroga até 7 de outubro restrições de horário devido à pandemia de Covid-19

Estabelecimentos podem funcionar até as 22h, com horário de tolerância até as 23h e com até 60% de ocupação

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, prorrogou mais uma vez, até 7 de outubro, as restrições ao funcionamento de comércio e serviços na cidade devido à pandemia de coronavírus. A decisão será publicada por decreto municipal nesta sexta-feira (24) e permitirá que as regras mais rígidas de funcionamento de empresas funcionem por mais tempo.

A cidade tem sido cautelosa com a reabertura, apesar de o governo do estado de São Paulo ter abolido as restrições de horário e capacidade para funcionamento de comércio e serviços.

Até 7 de outubro, os estabelecimentos deverão fechar às 22h, com horário de tolerância até as 23h e com capacidade de até 60% de ocupação.

Houve também na cidade a liberação de leitos hospitalares que antes eram exclusivos para atender pacientes com Covid. Até então, havia 537 leitos exclusivos – agora são 219.

No último dia 10, as outras cidades que compõem o Grande ABC prorrogaram as restrições no comércio até 30 de setembro, em uma medida de prevenção à Covid-19. Neste período, haverá funcionamento de até 80% da capacidade do público, das 6h até à 0h.

São Caetano do Sul é a exceção. Logo quando o governo do estado liberou o funcionamento dos serviços, a cidade seguiu o entendimento do estado e opera sem restrições.

O Consórcio ABC informou que ainda não foi notificado sobre a decisão da cidade de São Bernardo.

Fonte: G1