Adimax reestrutura embalagens de Pet Food para minimizar impactos ambientais

Adimax reestrutura embalagens de Pet Food para minimizar impactos ambientais

A responsabilidade socioambiental faz parte do DNA da Adimax, uma das maiores fabricantes de alimentos para cães e gatos do Brasil. Sua missão vai além de promover o bem-estar dos animais: a empresa tem atuação marcante nos aspectos que envolvem os pilares da sustentabilidade (econômico, ambiental e social), um caminho com o qual se compromete e vem trilhando.

A consciência de que o cuidado com as questões socioambientais vem de dentro da empresa e reflete na maneira como se apresenta ao consumidor faz com que a Adimax esteja constantemente buscando alternativas para aprimorar suas embalagens, melhorando desde sua produção até a coleta, reciclagem e destinação. Afinal, elas representam uma preocupação recorrente, devido à sua presença nos resíduos sólidos urbanos.

Em seu mais recente desafio para minimizar os impactos ambientais gerados por estes resíduos, a empresa reestruturou as embalagens dos alimentos para gatos da linha Fórmula Natural Fresh Meat Gourmet, que desde abril já estão no mercado em nova apresentação. Em breve, o lançamento deverá acontecer também na linha de alimentos para cães.

O gerente de desenvolvimento de embalagens da Adimax, Leonardo Dalmagro, destaca os aspectos positivos da nova apresentação: “Reduzimos o tamanho das embalagens, com o objetivo de consumir menos material e, consequentemente, diminuir a geração de resíduos, sem fazer com que elas perdessem em funcionalidade e apelo no ponto de venda; também retiramos as embalagens intermediárias; ganhamos em produtividade, uma vez que a produção dos novos itens ocasionou a redução de processos; tornamos o produto mais sustentável, inclusivo e acessível, economicamente falando”.

O projeto reuniu os três pilares da sustentabilidade. Dalmagro explica: “Conseguimos desenvolver uma linha completamente sustentável. No aspecto social, as novas embalagens incluem o sistema Braille, sendo acessíveis a pessoas com deficiência visual. No aspecto econômico, a redução do tamanho e da apresentação gerou uma economia nos custos. E no que diz respeito ao aspecto ambiental, temos o papel cartão TP Cycle®, produzido pela Suzano, referência no mercado de embalagens e nossa parceira. Trata-se de um material que envolve uma cadeia de fechamento de ciclo, com o menor impacto ambiental e emissão de CO² da categoria. A Box Print Embalagens e Displays somou no resultado deste projeto, trazendo sua experiência sustentável. A empresa fornecedora de embalagens é Carbono Positivo, ou seja, a quantidade de Gases de Efeito Estufa que emite anualmente é inferior à quantidade compensada por suas ações de plantio e conservação de florestas. Outro ponto importante a ser evidenciado nas embalagens é que possuem acabamento com ação virucida, que auxilia na quebra da cadeia de propagação de vírus, diminuindo a sua capacidade de contaminação, trazendo assim proteção ao consumidor final. Além disso, são feitas com matéria-prima proveniente de florestas com manejo ecologicamente correto, que lhes confere a certificação internacional FSC, o selo verde mais reconhecido do mundo, presente em mais de 75 países, e ainda possuem o selo Eu Reciclo, que promove reciclagem com responsabilidade social, por meio da compensação ambiental”.

As ações sustentáveis são inerentes à Adimax, que utiliza fontes renováveis para a produção das embalagens e realiza a compensação ambiental para seu descarte. A empresa tem um sério compromisso com a preservação do meio ambiente, prevenindo a poluição e consumindo de forma consciente os recursos.

Fonte: JTCom

Fechar Menu