Setor de higiene e beleza deve faturar  US$ 77,4 bilhões em 2022

Setor de higiene e beleza deve faturar US$ 77,4 bilhões em 2022

Segmento Premium foi um dos que mais registrou aumento

Segundo levantamento da Euromonitor, empresa especializada em pequisa de mercado, só no ano de 2017 o setor de beleza e cuidados pessoais faturou US$ 65,4 bilhões na América Latina, o que representa um crescimento de cerca de 43% se comparado com o resultado de cinco anos atrás.

De acordo com a empresa, sem contar a inflação e considerando câmbio fixo de 2017, o setor pode alcançar o faturamento de US$ 77,4 bilhões em 2022, o que significaria um avanço de 18,4% desse mercado na região.

No relatório detalhado da empresa, a categoria de beleza premium foi a que mais cresceu, com uma evolução de 69% entre 2012 e 2017, e uma projeção de crescimento de 22,2% até 2022.

As fragrâncias são a sub categoria com os melhores índices, atingindo aumento de vendas de 61,3% nos últimos 5 anos, enquanto a maquiagem só cresceu 42,9% no mesmo período.

Dentre os cinco maiores mercados da América Latina, o Brasil continua liderando, com vendas de mais de US$ 32 milhões por ano neste setor, ficando a frente de países como Chile, Uruguai, México e Colômbia.

Tanto a Euromonitor como pesquisas de outras empresas também apontam um futuro promissor para o setor, uma vez que o consumidor deseja, cada vez mais, itens com valor agregado maior, o que possibilita às empresas uma boa oportunidade para investir em produtos e embalagens diferenciadas e mais refinadas, contribuindo para um aumento em suas vendas, conquistando novos clientes e fidelizando os que já possuem.

Fechar Menu